Brunno Elias

Atividade física, bem-estar e um pouco mais (ou não…)

Archive for the ‘Saúde’ Category

Volta da creatina ao mercado reacende discussão sobre o produto

Posted by Brunno em 23 de Abril de 2010

Fonte: O Estado de S. Paulo (pelo Portal da Educação Física).

O primeiro medicamento de marca à base de creatina liberado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária chegou às farmácias esta semana, reativando uma polêmica que está apenas começando. Isso porque, além de vendida como remédio que precisa de receita, a Anvisa poderá em breve autorizar a comercialização da substância na categoria de suplemento alimentar para atletas, sem exigência de prescrição.

A situação leva especialistas a alertar sobre os riscos do uso indiscriminado da substância. O composto, feito com uma substância natural presente na carne, funciona como transportador de energia para o corpo, mas não traz benefícios a pessoas saudáveis, com alimentação balanceada e que não pratiquem esportes de alto rendimento, segundo a Sociedade Brasileira de Medicina Esportiva. Pelo contrário, a sobrecarga da substância pode trazer até riscos, como problemas renais e hepáticos. Outros especialistas e a indústria do setor discordam.

Vendida sem controle até 1988, a comercialização do produto como alimento para atletas é hoje proibida no Brasil, mas é facilmente encontrada no mercado negro. Segundo a Anvisa, não há estudos definitivos sobre os benefícios do produto nesses casos.

Há um ano, porém, a agência liberou um medicamento de marca para tratar uma doença que causa comprometimento muscular. Antes disso, como remédio, a droga estava disponível apenas em farmácias de manipulação. Os médicos, porém, têm liberdade para a prescrição do produto para outros usos. E a chegada da droga às farmácias comuns pode facilitar sua compra, pois a venda sem receita é regra no País.

Alvará. Em breve, a Anvisa deve decidir se permite ainda que suplementos para atletas tenham a substância, o que permitirá a venda do produto em qualquer estabelecimento com alvará sanitário, sem a exigência da receita. A única exigência seria a exibição de alertas no rótulo de que só devem ser consumidos por atletas. A tendência é Anvisa autorizar o uso, já que a ideia consta de sua própria proposta na consulta pública sobre o tema apresentada em 2008.

Segundo Jomar Souza, presidente eleito da Sociedade Brasileira de Medicina Esportiva, consenso da entidade do fim de 2009 apontou que a substância pode trazer benefícios a vegetarianos, pessoas com perda muscular pela idade ou doenças e em esportes que exigem potência e explosão, como corrida de 100 metros rasos e halterofilismo. O uso em outras modalidades que exigem resistência, , como futebol, não tem benefícios comprovados, afirma. “Os maiores riscos do uso indiscriminado são os problemas hepáticos e renais causados pela sobrecarga da substância”, afirmou. “Porém, a expansão do uso no mercado legal pode ser melhor porque a creatina do mercado negro, muitas vezes, vem misturada com anabolizantes, piores para a saúde.”

“O risco, pela literatura, é maior entre os que têm doenças renais na família”, diz a nutricionista Lisia Kiehl, do curso de nutrição esportiva da Rede Desportiva de Ensino. O especialista em fisiologia humana Érico Caperuto defende a segurança da substância. “Nenhum estudo comprovou que é prejudicial. O único efeito colateral é o ganho de peso”, diz Caperuto, indicado para falar pela indústria do setor.

O ortopedista Paulo Muzy, especializado em fisiologia do exercício, defende um uso até mais amplo, por quem não é esportista profissional. Como praticante de fisioculturismo, Muzy também toma o remédio. “Mas o consumo deve ser orientado por profissionais”, alerta.

Anúncios

Posted in Saúde | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

Estudo conclui que exposição a fast-food deixa pessoas impacientes

Posted by Brunno em 1 de Abril de 2010

Fonte: Portal da Educação Física.

Criadas para economizar tempo, as redes de fast-food – restaurantes que geralmente vendem o kit hambúrguer, refrigerante e batata frita – estão tornando as pessoas mais impacientes, mostra um estudo realizado pela Rotman School of Management, no Canadá.

Segundo os pesquisadores, a simples exposição a símbolos ligados ao fast food, como o logotipo de algumas lojas, pode fazer com que as pessoas passem a procurar produtos que as façam economizar tempo. A pesquisa também mostra que essas pessoas ficam com menos vontade de economizar dinheiro.

“Fast-food representa uma cultura de eficiência de tempo e gratificação instantânea”, diz o cientista says Chen-Bo Zhong, que publicou sua pesquisa na revista científica “Psychological Science”.

“O problema é que a meta de economizar tempo é ativada quando há exposição ao fast food, e isso acontece independentemente da importância de se economizar tempo. Um exemplo: andar rápido é importante quando alguém está tentando chegar a um compromisso, mas é um sinal de impaciência quando se vai fazer um passeio ao parque”, afirma.

Símbolos

Em um dos experimentos, os pesquisadores mostraram de forma rápida símbolos de lojas de fast-food. A exposição, de milissegundos, foi tão curta que as pessoas submetidas à pesquisa não puderam saber conscientemente do que se tratava.

Os estudiosos perceberam que quem viu os símbolos passou a fazer as tarefas seguintes de maneira mais apressada do que o grupo de controle – as pessoas que não foram expostas às marcas. Observar temas relacionados ao fast-food também fez com que as pessoas ficassem mais relutantes a economizar dinheiro.

Outra experiência mostrou que quem se lembrou de alguma ocasião em que comeu fast-food logo em seguida preferiu adquirir produtos que o fazia ganhar tempo, como xampus “dois em um”.

Posted in Ciência, Qualidade de vida, Saúde | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Acelerando o metabolismo

Posted by Brunno em 1 de Abril de 2010

Estive pensando em como facilitar a compreensão das pessoas sobre as atitudes que colaboram na aceleração do metabolismo. Ao invés de explicar fisiologicamente como esse “boost” nas funções corporais implicam em maior gasto energético que o comportamento sedentário, procurei identificar quais eram as bases desse desejado efeito. Para tanto, me lembrei das atitudes dos atletas que tive contato na época que era moleque criança, em nossa equipe de ciclismo. Somei a isso as informações científicas disponíveis sobre o assunto, e cheguei a uma base surpreendente: coma, durma e se movimente. Simples assim!

Comer
Na verdade o correto é coma mais, mas não em quantidade de comida e sim em número de refeições. A oferta constante de alimento acelera o metabolismo, facilitando o dispêndio calórico e mantêm o organismo abastecido com energia. O ideal é ter de 4 a 6 pequenas refeições ao longo do dia, ao invés das 3 refeições socialmente estabelecidas. Após sua curta boa noite de sono, quando o metabolismo caiu drasticamente, comece o dia com uma boa refeição, não pulando o café-da-manhã.

Dormir
Falta de sono atrapalha o consumo de calorias e a realização de suas atividades diárias. As funções orgânicas necessitam de sono, assim como o corpo como um todo precisa desse período de recuperação. Eliminar essa atitude colabora para decréscimo no dispêndio calórico, que leva a desaceleração do metabolismo. Pense bem antes de trocar sua noite de sono de qualidade por uma balada.

Movimentar
O movimento gasta calorias. A manutenção de músculo, ou massa magra, está imbuída de gasto calórico constante ao longo do dia. Com isso em mente, busque movimentar-se constantemente: caminhe no trabalho, ou no trajeto dele, troque atividades sentado pelo ato de se levantar e outras atitudes. Atividades simples, como caminhada, corrida e pedalar colaboram para o aumento do metabolismo. O trabalho com pesos mantém e aumenta a massa magra, colaborando com o metabolismo acelerado ao longo do dia.

Agora ficou simples. Quer acelerar o metabolismo, então coma, durma e se movimente. Esse tripé sustenta seu organismo ativo.

Bom treino!

Posted in Qualidade de vida, Saúde | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Uso de protetor solar, parceiro da saúde diária

Posted by Brunno em 11 de Março de 2010

Uma excelente reportagem publicada no site GI Notícias informa que o brasileiro precisa gastar ao menos R$ 51,00 por mês para manter-se protegido do sol.

A matéria explica, com ajuda de dermatologistas, que o protetor deve ser usado diariamente, independente das atividades da pessoa. Ir ao trabalho já expõe ao menos o rosto ao sol, e a incidência crônica de raios solores pode levar ao desenvolvimento de problemas de saúde, como o câncer de pele.

Para quem pratica esportes sob o sol, o gasto investimento sobe, já que o suor exige reaplicação e a necessidade de proteção é maior. Deixe de associar o protetor à piscina e praia, e passe a usá-lo no dia-a-dia, como medida de segurança.

Mesmo trabalhando uma parte do dia em escritório faço o uso diariamente, e quando treino sob o sol infernal de Campo Grande, mais protetor é usado.

Leia a matéria na íntegra, com o título Proteger-se corretamento do sol custa pelo menos R$ 51 por mês.

Posted in Ciência, Qualidade de vida, Saúde | Leave a Comment »

Ninguém acredita, mas todo mundo lê

Posted by Brunno em 9 de Março de 2010

* Texo de autoria de Luiz Carlos de Moraes, publicado originalmente no site Portal da Educação Física.

Certa vez, num desses encontros de Educação Física que andei fazendo um dos professores passou um trabalho que falasse sobre os males que podem levar um sujeito a um infarto. Na época achei que falar disso de uma forma tradicional seria cair na mesmice. Aí resolvi criar um horóscopo mostrando as características de um canditado a enfartado simplesmente porque horóscopo ninguém acredita mas todo mundo lê e recomendações para uma vida saudável todo mundo sabe e poucos seguem. Ficou assim:

ÁRIES – Não acredite que o cigarro faz o coração trabalhar mais para levar mais sangue pelas artérias cada vez mais entupidas. Fume bastante. Além de ser charme soltar fumaça pra todo lado incomoda todo mundo você fica fedorento e ninguém chega perto. Só os outros fumantes.

TOURO –
Não ligue para essas pessoas que dizem que o álcool provoca depressão e afeta o funcionamento do coração. Bêbado é o maior “barato”. Enche o saco de todo mundo, ninguém enche o dele e bater em bêbado todo mundo é contra. Vão dizer que é covardia.

GÊMEOS –
Satisfaça a sua vontade de comer gordura animal todo dia. Arteriosclerose quando mata é bem rápido e você não sofre nadinha de nada. Vai direto para o céu. Não deixe de comer doces e aqueles cremes cheios de colesterol. Engorde bastante pra todo mundo ver que você não passa fome. Se ficar barrigudo não tem problema. Você faz parte da maioria e não chega aos 80 anos. Também, pra quê isso?

CÂNCER –
Cancerianos são pessoas de temperamento forte. Por isso, beba bastante café porque a cafeína acelera os batimentos cardíacos. Ignore as advertências que esse estimulante faz mal pro coração. Lembre-se. Você tem temperamento forte e se morrer de câncer não tem problema. É do signo.

LEÃO –
Os bem sucedidos na vida trabalham no mínimo doze a quinze horas por dia. Se não der para terminar a tarefa durante o expediente, leve trabalho para casa. O coração do leonino é muito forte e a família se quiser que espere. Férias? Nem pensar. Aproveite os feriados! Claro para trabalhar ou alguém pode assumir o seu lugar. Se a família encher o saco leve o “lap top” para a praia e trabalhe na barraca.

VIRGEM –
Você é uma pessoa bem relacionada e cheia de compromissos porque nunca diz não. Satisfaça sempre, os outros. Se por acaso você morrer do coração vai ter um velório legal. Todo mundo vai ficar falando: Puxa vida! Ele era tão bonzinho… Coitado!!!!

LIBRA –
Jogue em todas as posições. Participe de todas as reuniões, conferências e aceite ser síndico do seu prédio. Quer coisa melhor do que isso? Não perca tempo com cardiologista. Seu coração tem quatro câmaras cardíacas. Se uma “pifar”, dá pra funcionar com três.

ESCORPIÃO –
Nunca faça refeições tranqüilas. Não é característica desse signo. Aproveite essas horas para discutir assuntos de trabalho. Se possível coma de pé no “boteco” da esquina para não perder tempo. É mais rápido, inteligente e você ainda fica com fama de gente simples.

SAGITÁRIO –
Esse negócio de passear com os filhos, andar tranqüilamente pelo parque, fazer exercícios é coisa de quem não tem o que fazer. Lembre-se de que muitos atletas morrem do coração e toda hora tem um no hospital.

CAPRICÓRNIO –
Não fique indeciso. Amar e ficar de beijinho pra lá e pra cá não faz bem para o coração. Tem muita gente por aí com “dor de cotovelo”. Capricorniano tem coração de aço bem temperado. Não sorria pra ninguém, muito menos para a pessoa amada. Mostre que você é durão ou durona. Ficar de mau humor melhor ainda.

AQUÁRIO –
Não delegue responsabilidade nem poderes a ninguém. As pessoas desse signo são altamente capazes e podem fazer tudo sozinhas. Desconfie de tudo e de todos. O mundo está cheio de “esperto”. O coração agüenta.

PEIXES –
Os piscianos costumam viajar muito a negócios. Quando isso acontecer viaje à noite para não atrapalhar o trabalho no escritório. Os amigos costumam pedir para trazer isso e aquilo outro de lá. Diga para eles que você não tem tempo de procurar. A viagem é de negócio e pronto. O máximo que vai acontecer é eles xingarem a sua mãe. Isso não faz mal para o coração.

Bom, eu não vou dizer a nota que tirei, mas parece que esse horóscopo continua atualizado. A obesidade afeta quase 60 milhões de americanos, está relacionada a 80% dos casos de diabetes, 70% das doenças cardiovasculares, 30% das pedras na vesícula, 40% dos cânceres na mama, 42% dos tumores malignos no intestino grosso e vai por aí. No Brasil os números são bem parecidos. Convenhamos, quem não se cuida compra passagem antecipada para o céu.

Para Refletir: Quando você achar que já é bastante experiente tome mais cuidado. Talvez esteja ainda no meio do caminho e ainda tem muito que aprender. Até os macacos caem das árvores.

Sobre a Ética: Deixe o covarde quieto que ele não incomoda ninguém. Se ficares cutucando-o com vara curta, de uma hora para outra ele pode ficar valente.

Posted in Qualidade de vida, Saúde | Leave a Comment »

A organização do Personal cycle coaching

Posted by Brunno em 21 de Fevereiro de 2010

Personal cycle coaching é o termo em inglês que se refere ao treinamento individualizado com bicicleta ou de ciclismo. É o treinador focado no ciclismo que guiará o cliente em rumo aos seus objetivos, seja saúde, condicionamento físico ou competitivo, sempre tendo a bicicleta como principal equipamento dos treinamentos, e outras atividades agindo em sinergia com a modalidade. Vindo de uma família de ciclistas, é natural que hoje, atuando como treinador, eu tenha clientes focados em ciclismo, e dessa forma vamos tratar como se organiza um treinador de ciclismo com treinos individualizados.

O ciclismo já faz parte do cotidiano das grandes cidades, seja pelo apelo de mobilidade, estilo da vida ou meio de transporte. Apesar dos riscos do uso da bicicleta no mesmo ambiente que os carros, o treinador pode escolher locais com menor tráfego de veículos motorizados e que ofereçam mais segurança ao cliente no momento da pedalada. Na escolha do local também influi o tipo de terreno: plano, com curvas, subidas e descidas. Essa escolha deve se pautar pelo tipo de treinamento do dia. Normalmente utilizo locais com maior movimentação de ciclistas e corredores, e mesmo com os poucos carros, sempre tenho atenção em quem se aproxima e também da iluminação das bicicletas e vestimentas. Além da manutenção habitual das bikes, é preciso ter adesivos refletivos e luzes de alertas para aqueles que, como eu, treinam à noite, e não abrir mão da vestimenta adequada (e colorida) do ciclismo e do capacete.

Sobre o treinamento, no ciclismo existe importante influência da fisiologia do exercício, principalmente nos quesitos de esforço e pausa para recuperação das vias energéticas. Assim como qualquer atividade predominantemente cardiorrespiratória, o ciclismo usa como controle de treinamento a frequência cardíaca, sendo que com a convivência do treinador e cliente e conhecimento do terreno, o treinador pode passar a controlar a intensidade pela velocidade média ao lado do cliente, sempre atento a inclinação do terreno, direção e força do vento e relação de marchas.

No primeiro treino ao lado do cliente, o treinador normalmente fará uma pedalada de diagnóstico, com monitoramento da frequência cardíaca e da forma de pedalada, que será a habitual do cliente. A partir do que o cliente já conhece e desenvolve em cima da bicicleta, o treinador poderá planejar o treinamento, corrigindo falhas de posicionamento, melhorando potência anaeróbia e condição cardiorrespiratória e influenciar nas mudanças de composição corporal.

Assim como qualquer outro treinamento, o ciclismo tem de ser planejado e prescrito de forma individualizada, apesar de ser uma atividade muito prazerosa de se desenvolver em grupo. A contratação de um treinador de ciclismo, ou personal cycle coaching, é uma forma com bom custo-benefício tendo em vista os resultados que se deseja com a modalidade. No ciclismo apenas ter bons equipamentos não rende bons resultados, é preciso desenvolver técnicas apuradas, tanto de segurança quanto de rendimento.

Como o tema é extenso, vamos ficar por aqui e tratar de assuntos específicos sobre o treinamento de ciclismo em uma próxima coluna. Boas pedaladas!

Posted in Esportes, Saúde, Treinamento | Leave a Comment »

Será que caminhar basta?!

Posted by Brunno em 12 de Janeiro de 2010

Com o início do ano, vêm as propostas/promessas que sabemos serem falhas: trabalhar mais, descansar mais, aproveitar a vida, viajar, perder peso… Como professores de Educação Física esse último pedido sempre chega aos nossos ouvidos, e normalmente proferido por algum amigo.

E no fim de 2009 não foi diferente, sendo que um casal de amigos ilustra bem a idéia que conduz esse texto. Estilo de vida sedentário, e numa brincadeira simples que pedia por corridas curtas seguidas de pausa, o rapaz do casal ficou tão pálido que por sorte (acreditem, eu me assustei com isso) tínhamos uma enfermeira no grupo (no caso de um ataque cardíaco…). Com a verificação do nível de atividade física baixíssimo, e a manifestação funcional da limitação cardiorrespiratória, o casal optou por começar em 2010 um programa de caminhadas.

Lógico que não foi tão fácil assim! A proposta inicial foi de frequentar uma academia por cinco dias na semana (proposta pelo rapaz), quando fiz a sugestão de começar por uma caminhada… “Mas eu quero que ele diminua a barriga de chopp”, disse a jovem; nesse momento o rapaz em dúvida perguntou “mas será que caminhar adianta?!”

Para isso cabe uma reflexão: casal sedentário, com preferência por programas passivos (ilustro com batata frita acompanhada de chopp num barzinho da cidade, preferencialmente todos os dias da semana). Costumo dizer sobre esses temas que um é melhor que zero, logo, fazer alguma atividade física é melhor que nenhuma. Como desfecho (até o momento), o casal caminha pelas manhãs (exceto quando aparece algo mais importante). Quando completarem 30 dias de atividade contínua, volto a escrever sobre isso.

Nesse momento aproveito a introdução da história desse casal para pedir aos Educadores Físicos (ou personal trainers, ou treinadores ou instrutores ou outra denominação) que sejam ativos em 2010. Ativos no sentido de optarem pela mudança do estilo de vida de seus clientes e amigos, as pessoas ao seu redor. Não basta que nós, profissionais da saúde, que temos a atividade física como ferramenta de trabalho, digamos a essas pessoas que “façam alguma atividade física” ou “entre numa academia”. É preciso analisar rapidamente as chances dessa mudança se efetivar. Existem pessoas que não gostam de academias e algumas que não gostam de musculação ou ciclismo indoor, mas podem gostar de atividades ao ar livre ou aquáticas. Nesse campo podemos atuar inclusive como consultores, selecionando e prescrevendo atividades nesse sentido, deixando o padrão de atividade física sistematizada por um modelo mais flexível e direcionado.

Então, volto a dizer o que disse para o casal da história. “Sim, nesse caso, caminhar adianta”.

Posted in Esportes, Qualidade de vida, Saúde | Leave a Comment »

Videogame para entrar em forma!(?)

Posted by Brunno em 29 de Dezembro de 2009

Ciente da distância entre jogadores de videogames e a prática de atividade física, a Nintendo, grande nome da indústria de games, viu na sua última plataforma, o Nintendo Wii, a chance de diminuir essa distância.

O videogame conta com um controle baseado no movimento do corpo, simulando várias situações: corrida de carros, tênis, boxe, lutas de sabres de luz… A última grande sacada da empresa foi um jogo que simulava treinamento físico, e agora chega a segunda edição.

O trecho a seguir é uma livre tradução do site Game Crazy, e logo depois vem os comentários de um treinador que também joga videogames.

“Com lançamento marcado para 5 de janeiro de 2010, My Fitness Coach 2: Workout and Nutrition (algo como Meu Treinador 2: Treinamento e Nutrição) tem o objetivo de demonstrar como se exercitar para alcançar um corpo saudável e a ter a energia que você precisa. Parte treinador (?!), parte nutricionista (?!), o jogo está preparado para te deixar em forma, dentro da academia ou fora. Modele sua rotina de treinamento com 80 exercicios focados em seus objetivos pessoais (?!). Treine para perder peso (e talvez achar novamente…), baixar seu colesterol, entrar em forma para sua roupa de verão, e mais. Quando preparar sua rotina de treinamento, escolha uma das 130 receitas, construída com base em seus sabores preferidos e acompanhadas de uma lista de compras e cardápios semanais, que vão te ajudar a alcançar seus objetivos.”

É inegável que a presença do Nintendo Wii (e logo mais a contribuição das outras plataformas que adotarão o controle baseado em movimentos, como o Playstation 3 e o XBOX) facilitam a prática de atividade física habitual por pessoas sedentárias.

É tão relevante que no último Congresso Internacional de Ciências do Esporte o videogame esteve presente. Mas também é ser muito simplista ao pensar que um jogo (ou programa de computador) tem a capacidade de personalizar a rotina de treinamento físico, principalmente em casos especiais como obesos, hipertensos ou mesmo sedentários mórbidos.

O jogo pode ser seguro para pessoas saudáveis, que poderiam ir para a rua praticar atividade física! Um exemplo é o vídeo abaixo (em inglês) que explora a capacidade da plataforma em alcançar a zona de frequência cardíaca para melhora da capacidade aeróbia.

Como visto o jogo não alcança a zona ideal de treino.

Provavelmente esperar que um jogo seja capaz de transformar um sedentário em atleta seja pedir demais. Temos de encarar isso como é: um jogo. Pode ser uma ferramenta para aumentar o nível de atividade física habitual, mas não um fim em si.

Um bom treino, uma boa sessão de videogame e um ótimo 2010 para vocês!!!

Posted in Esportes, Saúde, Vídeo | Leave a Comment »

O profissional de Educação Física em nossa sociedade

Posted by Brunno em 1 de Setembro de 2009

*Post em comemoração ao Dia do Profissional de Educação física

A sociedade caminha em busca do profissional “amplo”. Apesar de essa afirmação ir contra vários comportamentos (inclusive o meu, de ingressar em especialização, mestrado e doutorado), ela ainda é válida. Vê-se a especialização das profissões, e na área da saúde cada vez mais a segregação no sentido de se entender muito bem cada aspecto da vida humana.

Tem-se o aspecto cognitivo, físico, social, espiritual e ambiental, e cada um deles com profissionais capacitados para atender de forma excelente seus clientes. Mas como fazer a integração desses aspectos?

É nesse ponto que o profissional de Educação Física está. Apesar de atender prioritariamente o aspecto físico e educacional, por meio do treinamento e da escola, esse profissional também atua integrando os aspectos da vida humana. E esse é o profissional “amplo”. Apesar de poder optar entre fisiologia do exercício, Educação Física escolar, reabilitação, treinamento esportivo e outras áreas de especialização, ele ainda é capaz de promover a qualidade de vida de forma integral.

Os aspectos apresentados anteriormente fazem parte da elaboração teórica da Organização Mundial da Saúde para entender a qualidade de vida em diversas culturas. Imagine as várias situações que o profissional de Educação Física se encaixa: pode promover o bem-estar atuando contra a depressão e ansiedade, indicado por um psicólogo, que também pode atuar somando-se ao processo educacional da Educação Física escolar; auxilia na reabilitação de pessoas lesionadas que passaram por um médico, trabalhando em conjunto com a fisioterapia; também atua por indicação médica com outros pacientes (doenças metabólicas…); auxilia pessoas que sonham com um concurso público que tenha prova de aptidão física, permitindo ao candidato atender os requisitos; atua no governo, cuidando de eventos esportivos e atividades de lazer para a comunidade. Esses são alguns campos de atuação lembrados em um momento de reflexão.

Apesar dos outros profissionais fazerem propaganda para a área de Educação Física, isso traz mais responsabilidades. É preciso que todos os profissionais da área entendam que sua atuação é vista com olhos atentos pela população, seja na área de treinamento quanto na área escolar. Dessa forma, ética, profissionalismo e constante atualização devem fazer parte do repertório do profissional de Educação Física.

Parabéns pelo Dia do Profissional de Educação Física e recebam a gratificação que é o reconhecimento da população. Sucesso para todos!

Coluna_comemorativa

Posted in Saúde | Leave a Comment »

Dia Municipal do Esporte

Posted by Brunno em 6 de Agosto de 2009

A Prefeitura Municipal de Campo Grande por meio da FUNESP realizará um evento em comemoração ao dia municipal do esporte, instituído pela lei 3.333 de 1.997.

A comemoração será na Praça Belmar Fidalgo no dia 8 de agosto, a partir das 14h. Também haverá uma campanha para doação de sangue chamada Atleta Sangue Bom, na qual a pessoa que doar sangue receberá uma camiseta do evento.

O evento visa o congraçamento da classe esportiva na capital, mostrando para a população as mais diversas modalidades esportivas, tais como: lutas, ginástica artística e rítmica (ambas do projeto atleta do futuro), futebol society adaptado (futebol do projeto atleta do futuro), rugby, aeromodelismo, automodelismo, embaixadinhas, badminton, peteca, basquetebol, trincas de basquete, basquete adaptado, orientação de paraquedismo, futevôlei, vôlei de praia, jogos de dama, xadrez, truco, tênis de mesa, avaliação física (o público pode aferir sua composição corporal – massa magra e gordura), automobilismo, ciclismo, bicicross, triciclo, motociclismo, autocross, caiaque, canoagem, natação, exposição de carros antigos, jipeiros, apresentação de um balão para prática do balonismo e por fim professores da academia M3 encerarão o evento com uma aula de ginástica do sistema Body Systems.

O Dia Municipal do Esporte e o Atleta Sangue Bom fazem parte dos festejos dos 110 anos de Campo Grande. Dessa forma a prefeitura de Campo Grande homenageia nossos atletas e todos que militam e trabalham no esporte. Também convida toda a população para marcar presença no Belmar Fidalgo e ter uma tarde de lazer, pois a entrada é gratuita.

Posted in Esportes, Saúde | Leave a Comment »